(21) 97259-9915 / (21) 97109-2853

sbdrj@sbdrj.org.br

RM de novembro: veja como foi!

 

340 ASSOCIADOS participaram nesta quarta-feira (29) da nossa Reunião Mensal de novembro, no Teatro PRIO, na Gávea. Nossa última RM presencial do ano reuniu novamente um bom quórum. Nosso próximo encontro, em dezembro, será on-line, no dia 12, terça-feira, às 18h30, por meio da plataforma Zoom, quando os melhores casos do ano vão ser reapresentados, concorrendo a prêmios, como a ida ao Congresso Brasileiro de Dermatologia, que ocorrerá em Natal, ano que vem.

DEZ ESTUDOS DE CASOS foram apresentados e o vencedor foi “Prurido aquagênico: etiologia inusitada”, do HCE, apresentado por Hugo Monteiro Faver, Giovana Romano Rennó Costa, Marcela Cotta de Castro, Vivian Maria S. C. da Silva, Daniel Lago Obadia e Marcelo Lyra.

 

PALESTRA PRINCIPAL

“CIRURGIA DERMATOLÓGICA ONCOLÓGICA: PRINCÍPIOS E TÉCNICAS” foi o tema da palestra principal que contou com as participações dos dermatologistas Curt Treu, Frederico Sanchez, Gustavo Verardino e Marcela Benez.

– A palestra foi importante porque nós esclarecemos várias dúvidas que surgem no dia a dia do consultório, por exemplo, sobre como e quando biopsiar, como retirar a lesão, por que retirar em etapas o melanoma e não de uma vez só. E, quando apresentamos em formato de casos clínicos, fica mais fácil a compreensão – destacou a Dra. Marcela Benez.

NA AVALIAÇÃO DO DR. CURT TREU, OUTRO PONTO POSITIVO DA PALESTRA FOI mostrar os avanços no tratamento cirúrgico e em terapias adjuvantes para o câncer de pele. 

A IMUNOTERAPIA também foi destacada na palestra do Simpósio MSD “ATUALIZAÇÕES NO TRATAMENTO ADJUVANTE DO MELANOMA” pelo Dr. Cícero Martins. Ao comentar o tratamento de duas pacientes, uma com 102 e outra com 104 anos, ele explicou que a imunoterapia pode ser aplicada – com sucesso -, independentemente da idade dos pacientes.

 

RESIDENTES NA RM

LUIZA LANA faz estágio na Policlínica Geral do Rio e acompanhou todas as reuniões mensais este ano. Para ela, a apresentação dos casos clínicos é um dos pontos altos, em que os residentes mais aprendem.

– HOJE, O QUE MAIS ME CHAMOU ATENÇÃO foi o caso de um paciente que fez radioterapia e desenvolveu uma úlcera – uma lesão dermatológica – dois anos após o procedimento. Ele teve um infarto, fez um cateterismo e a úlcera apareceu no mesmo local da radiação. Ou seja, um caso raríssimo que a gente pôde aprender na RM e que vamos levar esse conhecimento pro resto da vida.

 

VISITA ILUSTRE NA RM: DE NATAL PARA O RIO

DRA. MARIA DO CARMO QUEIROZ é uma colega dermatologista de Natal, no Rio Grande do Norte. Ela faz parte da Comissão Científica que organiza o 77º Congresso da Sociedade Brasileira de Dermatologia, da SBD, que vai acontecer, de 5 a 7 de setembro, em 2024, na capital potiguar, e veio visitar a nossa RM.

– Achei essa reunião mensal maravilhosa, me senti em casa. Muito bom a gente sair de um estado para outro e se sentir em casa. É uma reunião de altíssimo nível, muito bem apresentada, organizada. E fico feliz de, quem sabe, passar a frequentá-la mais no ano que vem, porque existe a possibilidade de eu me mudar para o Rio – afirmou Dra. Maria do Carmo.