fbpx

Notícias

REUNIÃO MENSAL DE DEZEMBRO

Nosso último encontro de 2018 foi marcado pela despedida da atual Gestão Jarbas Porto (2017/2018) e a posse da nova diretoria para o biênio 2019/2020 no Colégio Brasileiro de Cirurgiões, em Botafogo. A surpresa ficou por conta do anúncio feito pelo novo presidente da SBD-RJ, Dr. Thiago Jeunon, do nome da nova Gestão que vai se chamar Maria Auxiliadora Jeunon.

Ao saber da homenagem, Dra. Maria Auxiliadora Jeunon se emocionou e disse que não sabia de nada.

Eu não sabia que seria homenageada. Esse meu filho é maravilhoso. Aprendo com ele muitas coisas, a gente tem um amor incrível um pelo outro. Trabalhamos juntos e, no início, eu ensinava, mas temos uma troca deliciosa, e, hoje em dia, ele me ensina muito mais.

GESTÃO MARIA AUXILIADORA JEUNON

Durante a posse, Dr. Thiago Jeunon agradeceu o carinho da diretoria que se despede e destacou que a SBD-RJ é multifacetada, sendo uma das principais conquistas a Reunião Mensal.

Temos a educação médica continuada. Outra tarefa importante é a representação da Sociedade perante a sociedade civil, os agentes públicos, as campanhas de conscientização; a defesa profissional da Dermatologia. Mas a Reunião Mensal é uma das atividades mais importantes e ilustrativas da SBD-RJ. Ela, basicamente, só existe no Rio de Janeiro nesse modelo. E a RM é o primeiro contato que a gente tem com a Sociedade na pós-graduação, na residência.

Dr. Thiago ressaltou ainda a quantidade de conhecimento que é gerada nas reuniões mensais da Sociedade, além da relação de afeto que o associado adquire com a SBD-RJ.

Em um primeiro momento, o residente quando se depara com a RM vive um momento de tensão, porque vai apresentar um caso para centenas de pessoas, professores, dermatologistas experientes. E nós vamos vendo como essa reunião acrescenta pra todos em termos de conhecimento, reciclagem, quantos diagnósticos a gente aprende, ou vê de novo. E vai passando o tempo, a RM vai ajudando a nos tornarmos uma grande família, tamanha a quantidade de horas que dedicamos à Sociedade.

CONVIDADOS ILUSTRES

Os presidentes do Cremerj, Dr. Sylvio Provenzano, e da Somerj, Dr. Benjamin Baptista de Almeida, prestigiaram a posse da Gestão Maria Auxiliadora Jeunon.

Desejo ao Thiago Jeunon sucesso na Gestão e que ele tenha no Cremerj um local com colegas para apoiá-lo – afirmou Dr. Sylvio Provenzano.

Dr. Benjamin Baptista de Almeida, que é médico dermatologista, parabenizou o que chamou de “excelente gestão” o biênio do Dr. Egon Daxbacher a frente da SBD-RJ e ressaltou as qualidades do Dr. Thiago Jeunon.

Quero parabenizar meu amigo, meu colega do Hospital de Bonsucesso. Thiago, quando lá chegou, eu já estava lá há algumas décadas, e eu via que aquele garoto tinha futuro. Nas nossas sessões, ele desvendava diagnósticos, enveredava por caminhos novos. Então, a Sociedade está de parabéns por ter escolhido o Thiago como presidente e desejo todo sucesso a ele nesse novo desafio.


CASO VENCEDOR DO ANO

Na RM de dezembro houve a reapresentação dos dez casos clínicos ganhadores dos meses anteriores, sorteios de brindes e premiação do melhor estudo de caso de 2018, além do coquetel de celebração.

Durante o anuncio da premiação, houve um equivoco na ordem de citação dos três melhores casos, pelo que a SBDRJ pede sinceras desculpas. Dos 12 serviços credenciados, o Hospital Central da Aeronáutica não foi incluído como votante e os hospitais Federal da Lagoa e Federal dos Servidores do Estado não compareceram para votação.

Com 8,34 pontos, o caso vencedor de 2018 foi Dermatofitose como doença reveladora da SIDA, do HCE, apresentado por Cássio Battisti Serafini, Tullia Cuzzi, Jeferson Carvalhaes de Oliveira e Marcelo Rosandiski Lyra.

Todos sabem o trabalho que é o estudo de casos clinicos, a gente estuda bastante, ou seja, é um reconhecimento desse trabalho, me sinto bem honrado – disse, ao final da premiação, Dr. Cassio Battisti Serafini.

O vencedor levou pra casa passagem, hospedagem e inscrição para o Annual Meeting of the American Academy of Dermatology (AAD 2019), de 1º a 5 de março em Washington, D.C.

Com 8,17 pontos, em segundo lugar, ficou o caso Síndrome da pele escaldada – símile em recém-nato, do HUGG, apresentado por Thais de Barros Castro Alves, Fátima Cristiane Pinho de Almeida Di Maio Ferreira, Ricardo Barbosa Lima, Omar Lupi , Carlos José Martins. A premiação foi 1 passaporte de eventos para 2019.

Na terceira colocação, com 8,11 pontos, ficou o caso Leucemia/ Linfoma de Celulas T do adulto simulando colagenose,do HUGG, apresentado por Manuela Romagna Bongiolo, Thaís de Barros Castro Alves, Luciana Ferreira Araújo, Lavínia Bergier, Ricardo Barbosa Lima e Carlos José Martins. O prêmio também foi 1 passaporte de eventos para 2019.

A RM de dezembro contou ainda com a participação do Dr. Hélio Miot, Professor Adjunto do Departamento de Dermatologia da Unesp – Botucatu-SP e Pesquisador do CNPq, que abordou os temas Ensaio clínico de Minoxidil oral em alopecia de padrão feminino e Ensaios de fotoproteção e pigmentação cutânea.